LeBron James – O menino de Akron, Ohio age como o rei dos Playoffs da NBA

“Eu só sou um menino de Akron, Ohio”. Essa célebre frase dita por LeBron James continua o acompanhando por onde quer que ele vá. Os acontecimentos continuam a seu favor em sua décima terceira participação nos Playoffs da NBA. Os Cavs têm feito performances instáveis na temporada, mas King James continua alcançado números impressionantes. O atleta é considerado entre um dos maiores de todos os tempos por diversos veículos. Há ainda uma grande parcela de especialistas, fãs e companheiros de liga que defendem que ele é o maior de todos os tempos superando Jordan e seus 6 títulos em 6 finais disputadas e Bill Russel e seus 11 títulos em 12 finais disputadas.

Deixando os debates de lado, o incontestável é o que LeBron vem conquistando até agora. A cada temporada, ele coleciona recorde atrás de recorde e médias impressionantes. Como ele mesmo disse “sou como um bom vinho, melhoro com o tempo”. O fato de que sua presença nas Finais da NBA ocorre desde 2011 podem comprovar parte disso! São 7 finais seguidas, 3 anéis de campeão, 2 títulos pelo Heat e 1 pelos Cavaliers. E se você checar na história, percebe que, desde 1999, uma final da NBA teve Duncan, ou Shaq, ou Kobe, ou LeBron na final. A tocha de maior da liga em atividade foi passada para LeBron e ele a fez de cetro. O que tanto esse fenômeno encanta aos que procuram por jogos da NBA por causa dele? Algumas razões você pode conferir a seguir:

 

O primeiro a alcançar 30.000 pontos, 8.000 rebotes e 8.000 assistências

LeBron James.
LeBron James.

 

LeBron domina os principais fundamentos do ataque e da defesa na maioria dos jogos. Nas históricas Finais de 2016, ele liderou em pontos, rebotes, assistências, tocos e roubos de bola. E isso considerando os dois times, Cleveland Cavaliers e Golden State Warriors. Nesse ano, por exemplo, ele se tornou o primeiro jogador a alcançar 30 mil pontos, 8 mil rebotes e 8 mil assistências na carreira.

Resiliência, sabedoria e maturidade com o tempo

lebron-james-2007-2017
LeBron James em 2007 e em 2017.

 

Há alguns anos atrás, LeBron James não era considerado por muitos em ser um jogador decisivo nos Playoffs. Mesmo levando os Cavaliers de 2007 até as Finais (perderam para os Spurs), LeBron falhava em alguns momentos considerados decisivos. Mas as Finais perdidas para os Dallas Mavericks em 2011 foi o ponto de partida para ele mudar sua mentalidade e expandir seu jogo ao nível sólido que todos conhecemos. O resultado depois disso? 3 títulos da NBA, inclusive o último ao virar uma série de 3-1 contra os Golden State Warriors, a franquia mais vitoriosa da NBA nos últimos 6 anos.

O rei dos cestinhas dos Playoffs

LeBron James comemora lance incrível e decisivo nos últimos segundos no jogo 5 contra os Pacers.
LeBron James comemora lance incrível e decisivo nos últimos segundos no jogo 5 contra os Pacers.

 

“Ninguém é maior que Jordan”. Bem, ao menos se tratando dos Playoffs, LeBron James se tornou o de maior pontuação. Ele conquistou no jogo 5 contra os Celtics nas Finais do Leste da última temporada e passou o Jordan. São 6.337 pontos nos Playoffs até então contra os 5.987 do ex-jogador dos Bulls. Contando com a temporada regular, ele ainda fica na sétima posição com 31.038 pontos. Mais de 7 mil pontos atrás de Kareem Abdul-Jabbar, o primeiro colocado.

LeBron James – O atleta biônico?

LeBron James em uma de suas celebrações após lances espetaculares.
LeBron James em uma de suas celebrações após lances espetaculares.

 

Ninguém é de ferro, mas se oferecessem um corpo biônico, LeBron James não precisaria. Sua alimentação regrada e um condicionamento físico impecável zelam o produto de seu trabalho: o corpo. Ele gasta anualmente mais de 1 milhão de dólares para manter-se em forma. A câmara terapêutica de recuperação muscular é um dos artefatos que o ajudam na recuperação muscular. Ele jogou todos os 82 jogos da temporada com média de 36.9 minutos por partida. Sinal de que o sucesso vem de resultados. E resultados começam com o esforço e entrega total.

O futuro de LeBron James continua sendo construído dia após dia e jogo após jogo. A temporada é longa e o time dos Cavs esse ano não é um dos melhores. Tanto que a performance individual do LeBron foi vital na vitória contra os Pacers em uma série bem acirrada. Mas se é nos Playoffs onde separam os homens dos meninos, King James, o menino de Akron, Ohio é o rei absoluto em um mundo de gente grande.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?